Matriculas Abertas

PICADINHA, SÓ SE FOR DE VACINA!

 

A prevenção e a vacina continuam sendo as principais ‘armas’ contra a Febre Amarela.

Mesmo sendo uma atividade corriqueira durante todo o ano, a Escola Monteiro Lobato realizou nesta semana que antecede a volta às aulas uma ação preventiva de dedetização em todas as suas dependências internas e externas, limpeza e higienização de banheiros e bebedouros, além de uma série de inspeções para detectarlocais com possíveis acúmulo de água parada e de resíduos.

Esta ação da Escola deve ser uma extensão de uma série de cuidados que os pais devem adotar em casa neste período de final de férias ou dos momentos de lazer em família durante os finais de semana.

Toda a nossa equipe de colaboradores e professores está atenta para multiplicar os conceitos da prevenção junto aos alunos e à disposição para esclarecer quaisquer dúvidas dos pais em relação a estes procedimentos preventivos.

É BOM SABER QUE…

Os macaquinhos não são responsáveis pela transmissão da Febre Amarela. Eles são apenas os indicadores para que fiquemos alertas em relação à doença porque são os macacos que adoecem primeiro.

A transmissão só ocorre pela picada de mosquitos infectados pelos vírus.

É BOM SABER QUE…

Os casos recentes de Febre Amarela ocorridos no Estado de São Paulo são do tipo Silvestre.

A Febre Amarela Silvestre é transmitida pelos mosquitos Haemagogus e Sabethes que habitam zonas rurais e de mata fechada.

A Febre Amarela Urbana pode ocorrer se uma pessoa já infectada for picada pelo Aedes aegypti, mosquito transmissor da dengue, zika e chikungnya.

No Brasil, desde 1942, não há registro de Febre Amarela Urbana.
Antes de ir a um Posto de Vacinação, tire suas dúvidas com o pediatra de seu filho (a). Ele pode conhece como ninguém o histórico de saúde da criança.

Fonte: Ministério da Saúde.

É BOM SABER – DOSE FRACIONADA

Ela tem um quinto do volume da dose tradicional. A segurança é a mesma, mas a validade é de 8 anos, enquanto a dose completa vale para a vida toda (Até abril de 2017, o Ministério da Saúde recomendava duas doses, mas reconheceu que apenas uma dose é suficiente.

Fonte: Ministério da Saúde.

É BOM SABER – QUEM NÃO DEVE TOMAR A VACINA

Crianças com mmenos de 6 meses (de 6 a 9 meses, apenas se houver indicação médica, pacientes imunodeprimidos ou com alergia a ovo. Grávidas devem evitar, a não ser que o risco de contarir o vírus seja alto. Na dúvida sempre consulte um médio.

Ex-aluna lança o livro “Posso te Levar Felicidade?” e participa de tarde de autógrafos na Escola Monteiro Lobato

A escritora Val Saab escolheu a Escola Monteiro Lobato, escola onde foi alfabetizada e estudou durante toda a infância e pré-adolescência para realizar o lançamento do “Posso te Levar Felicidade? – As Aventuras do Mundo de Anastácia”, livro que marca sua estreia na literatura infantil.

O lançamento foi realizado durante duas tardes e o livro apresentado aos alunos do Ensino Fundamental I que, durante as sessões de autógrafos, conversaram com a autora e souberam um pouco mais sobre a garotinha Anastácia, personagem principal da publicação.

“Para mim, a escolha da Escola Monteiro Lobato como local de lançamento tem uma ligação muito forte com o que aprendi nesta escola. A Monteiro, por intermédio do Método Montessori, sempre prezou pela união das pessoas e pela felicidade de todos, o que tem tudo a ver com a mensagem do livro”, disse.

Lançado pela editora Netebooks e com ilustrações de Tânia Geraseen, o livro narra a história de Anastácia, uma criança que tem a missão de acabar com a tristeza das pessoas. A menina se considera feliz e quer compartilhar este sentimento fazendo com que todos ao seu redor voltem a sorrir.

Segundo Val, logo nas primeiras páginas os leitores irão se identificar com Anastácia e começar a perceber que todos os elementos que estão ligados a ela, como o casaco amarelo, as cachorrinhas que acompanham sua caminhada, o chapéu e os cabelos encaracolados, tem um significado especial.

“Para mim, a Anastácia é a personificação da esperança, um sentimento que está esquecido no coração de muitos. Ela não entende o motivo da infelicidade em algumas pessoas e faz de tudo para levar amor, felicidade e alegria para quem encontra durante seus passeios’, disse.

Sobre a Autora

Escritora e professora de inglês há mais de 20 anos, Val Saab é natural de Maringá (PR) e há muito tempo já se considera “joseense de coração”. É autora do livro de poesias “Deixe-me Viver” e seus textos integram das duas últimas edições da Antologia Flóreo. Na literatura, além de sua paixão pela escrita, participa e promove saraus culturais em São José dos Campos. Recentemente criou a “Palavra Expressa”, marca que promove autores e divulga versos e poemas impressos em canecas de cerâmica.


Cadastro de e-mail

Inscreva-se para receber nossas novidades.